Portas ocultas: solução moderna para organizar e ampliar espaços.

Neste projeto, o painel onde estão as portas ocultas desta área social se integram com a adega de vinhos Imagem: Maura Mello

          É provável que você já tenha ouvido falar nas portas ocultas — ou “portas mimetizadas”, como ela pode ser chamada por se camuflar nas paredes. Cada vez mais utilizada, o recurso arquitetônico pode ser utilizado tanto em projetos residenciais, quando os comerciais e corporativos e deixa os ambientes mais amplos pela limpeza do seu desenho e visual, além de conceder sofisticação e elegância aos ambientes de diferentes estilos decorativos.

          Entusiastas do recurso, as arquitetas Paula Passos e Danielle Dantas, do escritório Dantas e Passos Arquitetura, destacam para Nossa o que o item possui de diferente e aborda em quais situações elas podem ser configurar como escolha ideal para o projeto.

Praticidade

          Além das questões de estética, uma das grandes vantagens da porta decorativa está relacionada ao fato de integrar e contribuir para organizar os ambientes do projeto. “As portas ocultas também ajudam a resolver intercorrências de obra como esconder fiação, quadros elétricos, boneca hidráulica ou até mesmo tubulação de ar-condicionado de uma forma mais prática”, explica a arquiteta Paula.

Otimização de espaços

Porta oculta pode ajudar quem pretende economizar espaço na decoração de casa Imagem: Pinterest

          Realizadas sob medida, as portas ocultas em ambientes pequenos auxiliam no ganho de área útil. Afinal, pode ser uma solução incrível camuflar a porta em momentos em que o ambiente requer mais espaço, não é mesmo?

Moderno

          Em alta, as portas ocultas são modernas, tecnológicas e excelentes opções para criar ambientes mais descontraídos. Além de práticas, trazem estilo e podem ser personalizadas com painéis acompanhados por efeitos de luzes indiretas que valorizam ainda mais os cômodos.

Acabamentos, ferragens e estilo.

          Acabamentos como a madeira natural, laqueado, lisa, ripada ou pintada, são os estilos de portas ocultas mais empregados. Todavia, as portas mimetizadas também são produzidas com outros materiais como painéis metálicos ou na estrutura do sistema Drywall.

          “O acabamento branco com branco é uma solução muito leve e discreta. Uma parede revestida de espelho pode receber a porta de espelho com as ferragens ocultas, propiciando a impressão de um grande painel espelhado”, sugere a arquiteta Danielle. Quanto ao estilo, Paula Passos dá a dica: “Podem ser portas pivotantes, pantográficas ou de correr e, quanto ao acabamento, revestidas com papel de parede, cerâmicas estampadas ou pintadas com cores iguais às especificadas para as paredes. Essa, aliás, já se configura como uma forma muito exeqüível para mimetizar”, detalha.

             No tocante às ferragens, Danielle esclarece que em geral não ficam aparentes e costumam ser bastante discretas. “Muitas vezes nem precisamos incluir fechaduras ou puxadores, pois a própria marcenaria oferece o vão para o seu manuseio”, finaliza Danielle.

(fonte: Nossa Casa – UOL)

MARIX instaladas por clientes